Os pudins da avó


Não são os pudins da minha avó, ela nunca fazia doces! Preparava maravilhosos almoços que poderia agora caracterizar, como está na moda, de "comfort-food"; falo de feijoada, carne estufada, cordeiro assado, sopa com feijão e vegetais e tantos outros, tão simples, mas com produtos de qualidade e, na maior parte das vezes, colhidos ou criados em casa. Mas não, nunca foram, nem a minha avó materna, nem a minha avó paterna, grandes doceiras, e que pena que eu tenho! Já pelo contrário, a minha mãe todas as semanas preparava (pelo menos) uma sobremesa, e como eu gostava  de a ajudar!
Portanto, estes pequenos pudins que hoje vos trago são da avó da Inés do belíssimo blog Les Petites Choses du Dimanche.
São apenas necessários três ingredientes, e preparam-se num instante! O mais difícil é mesmo termos que aguardar que repousem no frio durante algumas horas para podermos desfrutar de uma ou várias colheradas.

Ah, estes pudinzinhos prometem adoçar e tornar ainda mais bonita a vossa mesa de Páscoa! 
Aproveito para vos contar que no outro dia fui às compras ao Continente e acabei por me apaixonar pelos coelhinhos, galinha e talheres que aparecem na foto, são todos da KASA. Bem, trouxe também mais uns pratinhos, um avental e uns paninhos... que culpa tenho eu de ter nascido com bom gosto?  🤣

INGREDIENTES
5 ovos (preferentemente biológicos)
750 ml de leite gordo ou meio gordo
10 colheres de sopa de açúcar
200 gramas para o caramelo

PREPARAÇÃO
Ligue o forno nos 170º e coloque na prateleira do meio, um tabuleiro com cerca de 2 cm de água.
Coloque 200 gramas de açúcar juntamente com 50 ml de água num tacho pequenino ou frigideira e leve a lume médio. Resista-se à tentação de misturar com a colher de pau!
Vá agitando o tacho, até que a mistura se transforme num caramelo de cor âmbar.
Distribua por 6 a 8 formas de pudim individuais ou frasquinhos de vidro resistentes ao calor.
Numa taça, bata ligeiramente os ovos.
Adicione o açúcar e o leite e misture bem, mas evitando a formação de espuma.
Distribua pelas formas/frascos e leve ao forno, no tabuleiro com água, durante cerca de 30 minutos.
Para saber se os pudins estão cozidos, espete um palito ou uma faca afiada, que deverá sair limpa.
Quando estiverem cozidos, retire os pudins do forno, deixe arrefecer ligeiramente e reserve no frigorífico durante, pelo menos, duas horas antes de servir.

DICAS
Se for muito guloso, regue os pudins com mais caramelo!
Pode aromatizar os pudins com um pouco de raspa de limão ou laranja, bem como as sementes de meia vagem de baunilha.




Sem comentários

Enviar um comentário

Deixe aqui o seu comentário