Huevos rotos


Estão a ver aqueles pratos simples e baratos, que sabem tão bem que nos fazem sorrir enquanto desfrutamos da refeição?
Pois, apesar deste ser um dos pratos mais económicos, típico da vizinha Espanha, confesso que é dos meus preferidos.
E sugiro que faça uma pequena experiência: prepare o prato, e coloque apenas o garfo na mesa, não irá necessitar de faca, mas sim de um bom pedaço de pão!

INGREDIENTES
3 batatas médias
1 cebola grande
1 dente de alho
1 colher de sopa de mel
1 chávena de tomate cereja
4 ovos
Azeite q.b
Sal e pimenta q.b
Presunto fatiado q.b
Folhas de sálvia fresca q.b

PREPARAÇÃO
Comece por descascar as batatas e corte-las em rodelas com cerca de 5 mm de espessura. Coloque em água gelada durante alguns minutos. Escorra e enxugue com um pano.
Aqueça uma frigideira com óleo abundante.
Adicione as batatas e deixe cozinhar, em fogo médio, até ficarem cozidas, e ligeiramente douradas. Não pretendemos que as batatas fiquem demasiado crocantes. Retire para um papel absorvente e tempere com sal e pimenta.
Noutra frigideira, coloque a cebola cortada em meias luas, o alho picado e um fio de azeite.
Deixe cozinhar até que a cebola fique dourada, cerca de 20 minutos. Tempere com sal e pimenta, adicione o mel e deixe apurar por mais 2 a 3 minutos. Reserve.
Retire parte do óleo da frigideira onde previamente fritou as batatas. Coloque em fogo médio/alto e adicione os tomates e as folhas de sálvia. Retire e reserve.
No mesmo óleo, frite os ovos, dois de cada vez, deixando a gema semi líquida.
Adicione as batatas à cebola, seguida das folhas de sálvia, dos tomates e dos ovos.
Desfaça ligeiramente com uma colher de pau e sirva com as fatias de presunto. 





Pastéis de nata


Com ou sem canela, comidos à mão ou com colher, tenho a certeza que ninguém resiste a estes pastéis que dispensam apresentações!

INGREDIENTES
300 gramas de massa folhada (de qualidade)
250 ml de leite gordo
30 gramas de farinha
250 gramas de açúcar
125 ml de água
4 gemas
1 pau de canela
1 limão

PREPARAÇÃO
Comece por ligar o forno  (doméstico) na potência máxima, com calor por cima e por baixo.
Coloque a água e o açúcar num tachinho. Leve ao lume e, assim que começar a ferver, conte 3 minutos. Retire e deixe arrefecer.
Entretanto, num recipiente, dissolva a farinha em 50 ml do leite.
Coloque o leite restante (200 ml) num tachinho juntamente com o pau de canela e a parte amarela da casca de meio limão. Leve ao lume, até começar a ferver.
Retire o pau de canela e a casca de limão e adicione, sem parar de mexer, à mistura de leite frio e farinha.
Volte a colocar tudo no tacho e leve novamente ao lume, sem parar de mexer, até engrossar. Retire do lume e deixe arrefecer.
Quando ambos preparados estiverem mornos, junte-os e misture bem.
Adicione as gemas, previamente passadas por um coador e volte a misturar, mas sem bater demasiado para evitar a formação de espuma.
Estenda a massa folhada ou, no caso de. já vir estendida, desenrole. Pincele com um pouco de água e enrole, formando um cilindro com cerca de 2 cm de diâmetro. Deixe repousar um pouco.
Corte o cilindro de massa em 16 porções/rolinhos com 1,5 cm a 2,5 cm de grossura. Distribua-os pelas 16 forminhas, deixando a superfície de corte na vertical.
Segure uma forma com uma mão e molhe o dedo polegar da outra mão num pouco de água fria; vá rodando a forma, e alargando uma cavidade no centro da massa, tudo com o dedo polegar.
Repita o processo e coloque as formas num tabuleiro.
Encha as formas até 3/4 da sua capacidade e leve ao forno durante cerca de 12 minutos, ou até que fiquem bem queimadinhas por cima.
Retire do forno e pulverize, de imediato, com um pouco de água fria, para parar a cozedura.
Não se demore, desfrute destas delícias ainda mornas com uma chávena de café a acompanhar.

DICAS

  1. Na impossibilidade de preparar a massa folhada em casa, recorra a uma padaria/pastelaria, normalmente não têm problemas em vender a massa crua.
  2. Se optar por comprar a massa folhada no supermercado, prefira a congelada às refrigeradas, que não têm tão bom desempenho.
  3. Estes pastéis devem ser cozidos no forno a uma temperatura elevada, entre os 270 e os 300º. Como os fornos domésticos têm como limite 250º, é crucial ligá-lo na potência máxima, com calor em cima e em baixo, e depois.
  4. Não encha demasiado as formas, pois o recheio pode crescer ligeiramente e tapar o bordo de massa, evitando que esta folhe.
  5. As formas para os pastéis são mais baixas e abertas do que as próprias para queques, como estas.






Carrot Cake 2.0

Poucas palavras há a dizer quando se trata do meu bolo preferido, cuja receita continuo a aperfeiçoar. Não sei se a receita tradicional americana é assim, mas que este me faz viajar, lá isso faz!

INGREDIENTES
150 gramas de farinha
180 gramas de açúcar amarelo
75 gramas de miolo de noz picado
125 ml de óleo
2 ovos grandes
275 gramas de cenoura ralada (2 médias e cruas)
2 colheres de chá de canela moída
1 colher de chá de bicarbonato de sódio
1 colher de café de fermento para bolos

Para a cobertura
200 gramas de queijo creme
200 gramas de açúcar em pó
100 gramas de manteiga amolecida
1 colher de café de extrato de baunilha

PREPARAÇÃO
Ligue o forno nos 170º.
Misture os ovos com o óleo, ajudando-se de umas varas de arame ou batedeira, até emulsionar. Reserve.
Num recipiente amplo misture a farinha, as nozes picadas, o fermento, o açúcar amarelo, o bicarbonato e a canela. Misture bem.
Adicione a mistura de óleo e ovos aos e misture com a ajuda de uma colher de pau. 
Adicione a cenoura ralada e envolva.
Verta a massa numa forma para bolo inglês com cerca de 22 cm de comprimento, untada com manteiga e forrada com papel vegetal.
Leve ao forno durante cerca de 50 minutos. Faça o teste do palito.
Quando estiver cozido, desenforme o bolo e deixe arrefecer completamente sobre uma rede.

Para a cobertura, bata o queijo creme juntamente com o açúcar em pó e o extrato de baunilha.
Adicione, gradualmente, a manteiga, sem parar de bater.
Barre o bolo, delicie-se e seja feliz!









Lamingtons de matcha | sweet world

Diretamente da Austrália para o desafio Sweet World das queridas Lia e Susana dos blogs Lemon and Vanilla e Basta Cheio respetivamente, trago-vos uns Lamingtons um bocadinho alternativos... 
Os Lamingtons são cubos de um bolo fofo (utilizei uma das minhas receitas preferidas de genoise) com cobertura de chocolate e côco ralado; podem ainda ser recheados com doce de morango ou framboesa ou, aqui que ninguém me lê, aquilo de que mais gostarem! 
Esta minha versão, verde, da cor da esperança, representa a ilusão de um novo ano, que se espera carregado de trabalho, desafios, objetivos, realizações e, como nem tudo é trabalho, que traga também amor e paz!
Avancemos com a receita:

INGREDIENTES
Para o bolo:
5 ovos médios
175 gramas de açúcar
125 gramas de farinha
65 gramas de manteiga derretida
1 colher de sopa de matcha em pó
1 colher de chá de corante verde em gel (opcional)

Para a cobertura:
120 gramas de açúcar em pó
50 gramas de cacau
60 gramas de manteiga
120 ml de água
125 gramas de côco ralado para polvilhar
1/2 chávena de compota de morango para rechear

PREPARAÇÃO
Ligue o forno nos 170º.
Unte um tabuleiro com 30 cm de lado com manteiga,  forre com papel vegetal e unte novamente. Reserve.
Bata os ovos com o açúcar até obter um creme fofo e esbranquiçado com, pelo menos, o triplo do volume inicial.
Adicione, caso pretenda, o corante alimentar.
Peneire a farinha juntamente com o matcha e adicione ao creme de ovos, envolvendo, lentamente, com a ajuda de uma espátula de silicone.
Adicione a manteiga derretida e misture apenas até esta estar integrada.
Verta a massa no tabuleiro, alise ligeiramente e leve ao forno durante cerca de 20 minutos. Faça o teste do palito.
Retire o bolo do forno e deixe arrefecer 10 minutos antes de desenformar.
Deixe arrefecer completamente em cima de uma rede.

Entretanto, prepare a cobertura, misturando o açúcar em pó, o cacau, a manteiga e a água num tachinho.
Leve ao lume, mexendo de vez em quando, até ferver. Deixe arrefecer um pouco.
Corte o bolo ao meio. Barre metade com a compota e sobreponha a outra parte. Faça um pouco de pressão com as mãos e deixe repousar, no frio, durante cerca de meia hora.
Apare e corte cubos com cerca de 4 cm de lado.
Coloque cada cubo de bolo em cima de uma rede, pincele por todos os lados com a cobertura de chocolate e passe pelo coco ralado. Esta operação requer algum cuidado, para evitar que os cubos de bolo se desmanchem ao passá-los pelo côco ralado. Repita o processo para os restantes cubos.





Creme de cogumelos e côco


É tempo de cogumelos, é tempo de sopas, é tempo de desfrutar do melhor do inverno, numa taça, ao pé da lareira!

INGREDIENTES
600 gramas de cogumelos frescos
2 dentes de alho laminados
1 cebola média cortada em cubos
50 ml de azeite
1 litro de bebida de côco (usei esta)
300 ml de água
Sal e pimenta q.b
Coentros frescos q.b

PREPARAÇÃO
Aqueça um a panela com o azeite.
Adicione o alho e a cebola. Deixe refogar por alguns minutos.
Adicione os cogumelos cortados em pedaços e misture. Tempere com sal e pimenta e deixe cozinhar por cerca de 5 minutos, mexendo de vez em quando.
Adicione a bebida de côco e a água, tape e deixe cozer durante cerca de 20 minutos.
Triture com a varinha mágica, retifique os temperos e, caso necessário, adicione um pouco mais de água.
Adorne com alguns cogumelos salteados, um fio de azeite e folhas de coentros frescos.







Duo de iogurte e chocolate com fruta e avelãs


Depois dos excessos do natal, nada como sobremesas mais leves, sem perder pitada de sabor!

INGREDIENTES:
2 iogurtes light (uso estes de cabra Tété;
1 abacate médio;
1 colher de sopa de mel;
1 colher de sopa de cacau magro em pó;
2 colheres de sopa de avelãs torradas;
1 chávena de frutos vermelhos;
1/2 manga ;
2 maracujás;
Q.B de chocolate negro para polvilhar.

PREPARAÇÃO:
Descasque o abacate. Corte em pedaços e coloque-o no copo da liquidificadora ou da varinha mágica.
Adicione um iogurte de cabra Tété, o cacau e o mel. Triture até obter um creme.
Num copo ou frasco de vidro, coloque uma camada do creme de chocolate.
Salpique com algumas avelãs picadas grosseiramente.
Adicione alguns frutos vermelhos.
Adicione iogurte de cabra Tété e decore com os frutos restantes, a manga fatiada e a polpa de maracujá.
Salpique com as restantes avelãs e sirva bem fresco, com algumas raspas de chocolate negro.