Pães ázimos | sem fermento, sem forno e sem tempo!


Não é novidade para ninguém a minha paixão pelo pão. E pão resume-se a água, farinha e sal! Depois vêm as fermentações e, sobre isso, falaremos muito brevemente, mas hoje trago-vos uma receita tão simples, barata e rápida de preparar que tenho a certeza irão experimentar!
Não precisam sequer de ligar o forno ;)

Bakewell tart

Esta não é uma simples tarte, mas sim  a minha participação no Sweet World das queridas Susana e Lia dos Blogs Basta Cheio e Lemon and Vanilla respetivamente.
Esta tarte nasceu inglesa e inspirada no Bakewell Puddinge; cresceu de forma simples mas vincada, assumindo-se como doce típico extremamente apreciado.Ainda que se encontrem referências da sua ligação à cidade de Bakewell, em Derbyshire, parece que poucas provas existem nesse sentido. O século XIX será o seu ponto de partida, apesar do seu irmão pudim ser bastante anterior. Se quiserem ficar a saber mais sobre a história, não hesitem em fazer uma visita ao post da Susana, AQUI.

O Faz e Come está nomeado para Blogger do ano!

Faz e Come está nomeado para Blogger do ano!

 
Os Prémios da Associação da Hotelaria, Restauração e Similares de Portugal (AHRESP) é o evento que distingue anualmente os Melhores do Ano nos setores da Hotelaria,  Promoção Turística e Restauração, em Portugal. Um evento com o Alto Patrocínio de Sua Excelência, O Presidente da República.

Esta é daquelas notícias com que nem sonhava algum dia receber, mas chegou!


Para (feliz) surpresa minha, o meu  Faz e Come está nomeado para os Prémios AHRESP 2017 na categoria de Blogger do Ano, que visa premiar o Blogger que mais contributo teve para a divulgação e promoção da Hotelaria, Restauração e Similares de Portugal.

Há várias categorias e "colegas" de peso, mas o simples facto de ver reconhecido o meu trabalho a este nível é já uma vitória.
Convido-vos a votar também nas outras categorias a concurso, são tantas entidades e personalidades tão boas naquilo que fazem, que todos merecem o prémio, mas se votarem em mim eu ficaria ainda mais feliz ;)

Para votar basta seguir este link.

Obrigado!
SalvarSalvar

Frango à Parmegiana

Este é daqueles pratos que faço quando surge um jantar de última hora.
Deixo-vos uma dica: preparem-no em conjunto com os vossos convidados, eles irão agradecer que lhes ensine a preparar um jantar tão rápido e delicioso!

Pãezinhos semi doces


Internacionalmente reconhecidas pelas suas deliciosas receitas e trabalho em prol da cultura do pão, as Irmãs Simili brindam-nos com uma excelente obra; falo-vos do livro de "Pão e doces italianos", uma verdadeira inspiração para quem, como eu, gosta de meter as mãos na massa.

Donuts de matcha


Além de ser muito rico em nutrientes e de ser o chá mais falado nos últimos tempo, o matcha  aporta ainda a qualquer receita uma cor verde intensa. E o mais curioso, sabe bem que se farta!

Guacamole


Dias mais quentes pedem definitivamente refeições mais descontraídas e, mesmo não sendo eu um grande apreciador de comida picante, não consigo dizer que não a  um bom guacamole. É a entrada perfeita para um  jantar descontraído, ou para umas cervejas no terraço.

Tortilha de batata à minha maneira


Com ou sem cebola, com batata frita ou cozida, são apenas alguns dilemas que levantam as centenas de receitas de tortilha de batata. Esta, como bem digo no título, é à minha maneira! E acreditem que fica bem deliciosa acompanhada com uma baguette acabada de sair do forno, mas essa receita fica para outro dia ;)

Layer cake de suspiro


Confesso que tive guerra aberta com as pavlovas, talvez por elas terem fama de serem delicadas, ou por eu ser demasiado trapalhão quando quero fazer algo à pressa, a palavra inimiga das ditas... Mesmo assim, e como nãos ou homem de me render, voltei a fazer uma e outra pavlovas e, confesso, começamos a entender-nos.
Relativamente a esta que hoje vos apresento, é das mais simples, até porque não precisamos de alisar os discos, eles ficam bem bonitos assim com picos,  o que lhes dá um ar rústico e romântico ao mesmo tempo.
Mas passemos à receita:

Bolo anjo de primavera


É leve, fofo e tem um miolo tão branco que pode chegar a confundir-se com uma nuvem, não fosse ele chamado de bolo dos anjos :)