Cá em casa, no carnaval é tradição fazer filhós e sonhos, mas já no país vizinho (relembro que estou a escassos km da fronteira com a Galiza), o doce tradicional são as "Orejas de Carnaval". Por norma, a massa das  orejas é aromatizada com anis mas eu, por não ter à mão, acabei por substituir por cointreau. Podem também utilizar aguardente.
A receita é adaptada da minha amiga Sandra do blog Galletas para Matilde, onde podem ver a original.


INGREDIENTES
500 gramas de farinha de trigo
2 ovos grandes
75 gramas de manteiga
125 ml de anis (que substituí por cointreau)
1 colher de chá de sal
1 colher de chá de açúcar
1 laranja (raspa da casca)
1 limão (raspa da casca)
125 ml de água
Azeite  para fritar
Açúcar em pó q.b para polvilhar

PREPARAÇÃO
Coloque a farinha num recipiente. Abra uma cavidade no centro e adicione os restantes ingredientes. Amasse, com a mão, até obter uma massa homogénea e lisa.
Unte um recipiente com um pouco de azeite, forma uma bola com a massa  e transfira-a para o recipiente. Tape com um pano e deixe repousar, no frio, durante cerca de duas horas.
Aqueça um tacho grande com azeite abundante.
Divida a massa em 24 porções. Unte a bancada da cozinha com um pouco de azeite e estique cada porção até que esta fique o mais fina possível, preferentemente com 20*10 cm de comprimento e largura respetivamente.
Frite a massa estendida no azeite bem quente, duas ou três de cada vez, dependendo do tamanho do tacho. Assim que colocar cada porção de massa para fritar, e ajudando-se de dois garfos, tente dar a forma de orelha que é dá o nome a estes doces. Deixe dourar dos dois lados, escorra sobre papel absorvente e polvilhe com açúcar em pó. Repita o processo até terminar toda a massa.


Enviar um comentário

Contact

INSTAGRAM FEED

© Faz e Come
Design by The Basic Page