Hoje trago-vos uma receita com um vegetal não muito utilizado cá em Portugal mas, como tenho ainda uma costela adotada do país vizinho, de vez em quando sabe bem recordar sabores da minha passagem por lá.
Falando ainda do país vizinho,  quando o dia nos brinda com um final de tarde solarengo, aproveito para por a mesa e fazer jantares mais informais, daqueles em que praticamente é escusado o uso de talheres, e transformo a sala de jantar (mentira, estes jantares são feitos mesmo na cozinha :) )num bar de tapas!

À festa juntaram-se as simpáticas manas das Flores da Aldeia trouxeram um  bouquet! Mas não se trata de um bouquet de rosas ou flores campestres; Tratava-se do  jantar  em si: um ramo de alcachofras, cebolas roxas e feijão em vagem.
A preparação deste vegetal  é algo morosa e complexa, mas prometo-vos que o sabor compensa!

E vocês, também são fãs de jantares descontraídos?

Ingredientes:
5 ou 6 alcachofras
2 chávenas de feijão verde tenro
4 cebolas roxas jovens
1 raminho de oregãos frescos
Azeite q.b
Sal q.b

Preparação:
Ligue o forno nos 210º.
Entretanto, prepare as alcachofras, retirando as duas ou três camadas exteriores das pétalas. Recorte as restantes com a ajuda de uma tesoura e, ajudando-se de uma faca bem afiada, corte o topo e limpe o caule. com cerca de 2 centímetros. Corte as alcachofras em quartos e limpe o seu interior, removendo o "pêlo". Coloque-as num pouco de água fria com algumas gotas de sumo de limão, para evitar que oxidem.
Corte as cebolas roxas ao meio, deixando cerca de 5 cm do talo.
Forre um tabuleiro com papel vegetal. Pincele com um pouco de azeite e disponha os vegetais como na foto abaixo.
Regue com um fio de azeite, tempere com um pouco de sal grosso e salpique com os oregãos.
Leve ao forno durante cerca de 15 minutos.
Volte os vegetais e leve novamente ao forno por mais 10 minutos, até estes ficarem caramelizados e crocantes ao mesmo tempo.
O feijão deverá ficar crocante como batatas fritas.

Dicas: Passe os vegetais para uma travessa e sirva acompanhado de um bom pão alentejano, tostas, queijo, um bom vinho e amigos simpáticos :)
Para comer as alcachofras, peque em cada folha e leve à boca, retirando a parte mais "carnuda" com a ajuda dos dentes. Quando chegar bem ao centro, chamado de "coração", então saboreie e esqueça o trabalho que teve a prepará-las!

Aproveito também para vos contar que, lá mais para o final da semana, serei entrevistado na Mais Magazine, revista digital do grupo Mais Cupão, onde são divulgados  os melhores códigos de desconto e promoções em lojas como a AmazonTripAdvisor e LetsBonus. Passem por lá, fiquem a saber um pouco mais de mim e recebam códigos desconto para as vossas próximas compras ;)














SalvarSalvar

1 comentário

  1. Rui, já alguma vez te disse que adoro as tuas produções fotográficas?! Pois, adoro! E não desfazendo das alcachofras, que são bem fotogénicas, mas estas imagens em particular estão lindas.
    Gosto de alcachofras, já usei em tarte e em risotto e gostei imenso.
    Continua assim, a inspirar-nos diariamente com as tuas sugestões.
    Um abraço.

    ResponderEliminar

Contact

INSTAGRAM FEED

© Faz e Come
Design by The Basic Page