Biscoitos integrais com sementes

biscoitos sementes12.jpg


Rápidos, saudáveis e sem adição de açúcares


 


Ingredientes:


100 gramas de farinha integral


75 gramas de flocos de aveia


50 gramas de coco ralado


75 gramas de óleo de coco


75 gramas de mel


1 ovo


100 gramas de sementes (girassol, linhaça, abóbora, etc)


 


Preparação:


Pré-aqueça o forno nos 170º.


Misture todos os ingredientes até obter uma massa moldável. Caso o óleo de coco esteja muito sólido, aqueça-o ligeiramente no micro-ondas ou em banho-maria.


Forre dois tabuleiros com papel vegetal. Distribua pequenas porções, com a ajuda de uma colher de sobremesa e leve ao forno durante 15 a 20 minutos, até que os biscoitos fiquem bem dourados.


Retire do forno, deixe arrefecer completamente em cima de uma grelha e guarde em frascos com tampa hermética.


 


Preparação na Bimby:


Pré-aqueça o forno nos 170º.


Coloque no copo a farinha, a aveia, o côco ralado, o mel e o óleo de coco.


Programe 20 Seg na Vel 5.


Adicione 1 ovo e programe mais 5 Seg.


Adicione as sementes e misture 10 Seg na Vel 3.


Forre dois tabuleiros com papel vegetal. Distribua pequenas porções, com a ajuda de uma colher de sobremesa e leve ao forno durante 15 a 20 minutos, até que os biscoitos fiquem bem dourados.


Retire do forno, deixe arrefecer completamente em cima de uma grelha e guarde em frascos com tampa hermética.


biscoitos sementes6.jpg


biscoitos sementes9.jpg


 

Profiteroles crocantes de chocolate e baunilha

Profiteroles1.jpg
Sonhos, éclairs, paris-breast ou profiteroles são alguns dos doces que se podem fazer com a mesma base, a massa de fartos, ou "choux". Sendo que os sonhos são fritos, as outras opções são cozinhadas no forno, os éclaris sob uma forma comprida, o paris breast em forma circular, do tamanho de um bolo, servido normalmente recheado com chantilly e morangos e os profiteroles, umas pequenas bolas ocas. Estes últimos são reproduzidos cá em casa com alguma frequência e os recheios costumam ser variados.
Hoje apresento-vos uma opção mais clássica, recheados com um creme baunilhado e um banho de chocolate negro.
Experimentem e depois contem-me quantos comeram antes de os apresentar na mesa, aos convidados... :)

Ingredientes para o creme:
500 ml de leite
75 gramas de açúcar
40 gramas de maizena
3 gemas de ovo
1 colher de chá de extracto de baunilha

Ingredientes para os profiteroles:
75 gramas de manteiga
1 colher de chá de sal
150 ml de água
125 gramas de farinha
3 ovos

Ingredientes para a cobertura:
75 gramas de chocolate negro
25 gramas de manteiga
Bolinhas de chocolate ou pepitas para decorar

Preparação do creme:
Misture as gemas com o açúcar, a baunilha e duas colheres de sopa de leite.
Misture bem até obter um creme. Adicione o restante leite e leve ao fogo num tacho, em lume brando, sem parar de mexer até engrossar.
Verta o creme para um recipiente e tape com película aderente, bem junto à superfície para não criar crosta. Leve ao frio para arrefecer.

Preparação dos profiteroles:
Coloque a água, a manteiga e o sal num tacho e leve ao lume, até começar a fervilhar.
Adicione a farinha de uma só vez e mexa, até formar uma pasta.
Retire do fogo e, quando estiver morno, adicione os ovos, um de cada vez, batendo bem entre cada adição. Pode recorrer à batedeira ou varinha mágica.
Ligue o forno nos 200º.
Forre um tabuleiro com papel vegetal e, com a ajuda de um saco pasteleiro ou de duas colheres, disponha pequenas porções com o tamanho de uma noz, tendo o cuidado de deixar 5 cms entre cada profiterol.
Leve ao forno durante cerca de 25 minutos, até crescerem, ficarem dourados e crocantes.
Quando o creme e os profiteroles estiverem completamente frios, faça-lhes um pequeno corte com a ajuda de uma faca e, com o creme dentro de um saco pasteleiro, recheie até ficarem bem pesados.

Parta o chocolate em pedaços para uma tigela, adicione a manteiga e derreta no micro-ondas ou em banho-maria.
Mergulhe o topo dos profiteroles no chocolate derretido e, seguidamente, pelas bolinhas de chocolate. Deixe solidificar ou, se preferir, sirva assim, com o chocolate ainda morno.

Profiteroles5.jpg

Profiteroles8.jpg

Profiteroles9.jpg

Profiteroles10.jpg

Profiteroles16.jpg

Profiteroles18.jpg

Delícia de chocolate da Bimby, à mão...

Delicia chocolate1.jpg


Esta é, sem dúvida, uma receita infalível e que surpreende qualquer visita.


A receita é da Bimby e podem encontré-la AQUI.


 


 


Deixo-vos a minha adaptação para fazer esta delícia sem robot ;)


 


Ingredientes:


6 ovos


200 gramas de açúcar


150 gramas de manteiga


50 gramas de farinha


250 gramas de chocolate negro


 


Preparação:


Ligue o forno nos 200º.


Separe as gemas das claras.


Bata as claras com uma pitada de sal e, assim que começarem a ficar firmes, adicione 50 gramas de açúcar.


Parta o chocolate para uma taça de vidro ou loiça, adicione a manteiga e derreta no microondas ou em banho-maria, mexendo de vez em quando. Reserve.


Bata as gemas até ficarem esbranquiçadas. Adicione o restante açúcar, aos poucos, e bata até obter um creme bem fofo e volumoso.


Adicione o chocolate derretido e misture bem.


Adicione a farinha e misture.


Por fim, adicione as claras batidas e incorpore-as na massa com a ajuda de uma espátula ou colher de pau, mas sem bater.


Verta o preparado numa forma com cerca de 24cm de diâmetro previamente forrada com papel vegetal e leve ao forno durante aproximadamente 10 minutos. O tempo dependerá do forno e do seu gosto pessoal. Caso goste do bolo mais húmido, dê menos tempo no forno.


Esta receita deverá ser feita com alguma antecedência, pois ficará mais consistente à medida que o chocolate solidifique.


 


Sirva com uma bola de gelado ou assim simples, polvilhado com um pouco de cacau.


Delicia chocolate2.jpg


Delicia chocolate3.jpg


Delicia chocolate4.jpg


Delicia chocolate5.jpg


Delicia chocolate8.jpg


 

Sopa de batata doce, abóbora e acelgas

sopa 1.jpg
Uma sopa rústica, rica e que aquece o coração. 
Já sabem o que costuma acontecer quando recebo, em primeira mão, os legumes mais frescos das mãos das Flores da Aldeia.. Nem mais! Os resultados costumam ser muito positivos.
Sem dúvida, quando se tem uma boa matéria prima, o resto é fácil!

Na cozinha com a Dulce Caldeira

na cozinha com.jpg 


Bem-vindos ao primeiro "Na cozinha com...". Esta é  a nova rubrica deste blogue e pretendo com ela dar-vos a conhecer um pouco mais, não só de quem está por detrás dos meus blogues preferidos, mas também de pessoas amigas.


Convido-vos, desde já, a ficarem desse lado. As conversas serão publicadas a meio de cada mês.


 


A primeira convidada, Dulce Caldeira, está por detrás de um dos primeiros blogues que eu comecei a seguir, Cozinhadaduxa. E cá entre nós, que ninguém nos ouve nem lê, tive a oportunidade de partilhar já algumas aventuras e refeições com esta mulher fantástica. E mais não digo ;)


 


Em primeiro lugar, muito obrigado à Dulce por aceitar este humilde convite para partilhar um pouco mais da pessoa que está por detrás de um fantástico blogue!


Dulce Caldeira, à esquerda na foto


 


 


F&C: Quem é a Dulce Caldeira? (à esquerdana foto)


 


DC Alguém que desde cedo se apaixonou pela culinária. Sempre me fascinou a possibilidade de experimentar combinações entre ingredientes, arriscar temperos, observar, provar, errar, acertar, ajustar... A cozinha (pelo menos para mim) é uma espaço físico que funciona como um laboratório (é o meu gosto pelas ciências a falar mais alto!).


 


Durante alguns anos alimentei a ideia de abrir um restaurante ou algo ligado aos petiscos, mais por pressão dos amigos confesso. Os anos foram passando e fizeram-me ver que o caminho não era esse. Não queria um compromisso desse género com a cozinha. Gosto sobretudo de cozinhar por prazer, nunca por obrigação. Nos dias que não me apetece, come-se uma sopa e fruta por exemplo, tenho a sorte de ter uma família que me apoia nestes dias...


 


Gosto de aprender com quem sabe, leio (alguns) livros e revistas, não tantos como gostaria, por falta de tempo. Inspiro-me aqui e ali, dou por mim a "sonhar" sabores para os pratos que tenho em mente. Aprecio a criatividade das pessoas, acho que podemos sempre pôr algo nosso aos pratos. O nosso tempero. Na grande maioria dos dias sou muito feliz a cozinhar!


 


 


 


F&C: Como surgiu o seu blogue?


 


DC O blogue surgiu para registar o que ia fazendo e claro também para partilhar com quem me quisesse acompanhar.


O feedback foi sendo positivo e neste momento apesar de não o atualizar com a regularidade que gostaria, fico muito feliz por saber que há tanta gente que o lê, que gosta da minhas fotos e se identifica com as sugestões que vou partilhando.


 


 


F&C: Concorda que “Cozinhar é um modo de amar os outros”?


 


DC Sem dúvida que sim, cozinhar para alguém é cuidar...


 


F&C: Na Cozinhadaduxa, grande parte das receitas passam-me a imagem de comida de família, daquelas que nos prendem à mesa durante horas. É assim?


 


DC Sim. Gosto desse conforto sempre que possível. O que normalmente acontece aos fins de semana quando conseguimos estar todos reunidos às refeições.


 


F&C: Qual o seu prato e/ou ingrediente preferido?


 


DC Não tenho um prato ou ingrediente preferidos, tenho vários. O importante é o sabor e a harmonia conseguidos nesse mesmo prato. Pode ser simples e cativar-nos.


 


F&C: O que nunca falta na sua cozinha?


 


DC Tento que nunca me falte o kit composto por: pão, azeite, ovos, alhos e coentros. Vai-se lá saber o porquê... Emoji grin


 


 


Muito obrigado por aceitar este humilde convite para partilhar um pouco mais da pessoa que está por detrás de um fantástico blogue!


 


Obrigada eu pelo simpático convite Faz &Come , foi um gosto!!



Beijokas da Dulce Caldeira 

Bolinhos sem glúten e sem laticínios

Bolinhos Myprotein 1.jpg


Porque nem só de indulgência vive um amante de bolos, hoje trago-vos uns bolinhos, similares aos muffins, mas com várias vantagens:


Não contêm glúten nem laticínios, pelo que são aptos para celíacos e intolerantes à lactose e aos laticínios.


Além disso são tão deliciosos!!! A manteiga de amendoa faz-me lembrar aquele "Torron" espanhol mole, doce e tão aromático! 


Tanto a farinha de trigo sarraceno como a manteiga de amêndoa, podem ser adquiridas no Site da Myprotein.


 


Ingredientes:


125 gramas de açúcar amarelo


100 gramas de manteiga de amêndoa


3 ovos médios


150 gramas de farinha de trigo sarraceno


1 colher de chá de fermento em pó


 


Preparação:


Pré-aqueça o forno nos 175º.


Num recipiente, misture o açúcar, os ovos e  a manteiga de amêndoa. Adicione a farinha e o fermento e envolva com uma espátula.


Divida a massa obtida por formas de papel para queques. Caso não disponha de formas como as da foto, improvise e forre pequenas formas com um quadrado de papel vegetal ou caixinhas de papel. 


Encha as formas apenas até 3/4 da sua altura e leve ao forno durante cerca de 15 minutos. Faça o teste do palito.


Retire os bolinhos do forno e deixe arrefecer sobre uma grelha.


Polvilhe com açúcar em pó e sirva com uma colherzinha (o tamanho depende de cada guloso ;) ) de manteiga de amêndoa.


bolinhos myprotein.jpg


 


bolinhos myprotein3.jpg


bolinhos myprotein5.jpg


bolinhos myprotein7.jpg


bolinhos myprotein9.jpg


 


 


Curiosidades:


O que é Farinha Superfina de Trigo Sarraceno ?
Apesar do nome, Farinha Superfina de Trigo Sarraceno não é derivada do trigo e em vez disso é derivado de sementes de uma planta com flor e tem um sabor adocicadotornando-o ideal para panquecas ou para a confecção de pães.


Benefícios Farinha Superfina de Trigo Sarraceno
Farinha Superfina de Trigo Sarraceno é pobre em açúcar e gordura tornando-o uma fonte ideal de carboidratos para qualquer um em uma dieta rigorosa de calorias.
Para quem Farinha Superfina de Trigo Sarraceno é recomendada ?
Farinha Superfina de Trigo Sarraceno é recomendada para quem quer aumentar a ingestão de carboidratos e proteínas, mas com uma baixa quantidade de açúcar e gordura. Pode ser adicionado aos alimentos para melhorar o conteúdo nutricional ou usado como um substituto para a farinha de trigo em algumas receitas.


 


O que é a Manteiga de Amêndoa?


A Manteiga de Amêndoa tem um sabor fantástico e é uma fonte natural de gordura e proteína. As gorduras mono e poliinsaturadas dentro de manteiga de amêndoa torna este produto um óptimo snack. As amêndoas utilizadas na nossa Manteiga de Amêndoa são naturalmente assadas a partir da pele castanha. As amêndoas usadas na Manteiga de Amêndoa são torradas na sua casca natural antes de serem moídas. Nada mais é adicionado à manteiga de amêndoa, fazendo da mesma uma fonte nutricional natural uma escolha saudável de gorduras.


Benefícios da Manteiga de Amêndoa


Substituindo as gorduras saturadas por gorduras insaturadas na dieta contribui para a manutenção de níveis normais de colesterol no sangue. Esta também tem 24mg de vitamina E e 269mg de magnésio.