Tarte de trufa de chocolate e laranja

DSC_0027.JPG


No outro dia, a Paula do The Culinary Scene publicou uma foto provocadora de uma tarte de chocolate. Eu sou um dos que não conseguem resistir a semelhantes provocações  e fui a correr pedir-lhe a receita. Assim, depois de algumas alterações que fiz, aqui fica a minha sugestão para este fim de semana chuvoso.


Lanço-vos um desafio: se estiver a chover, façam esta tarte e desfrutem dela no sofá, com uma chávena de café bem forte. Ah, convidem também os vossos amigos, pois irão derreter-se como a tarte ;)


 


Ingredientes para a massa:


150 gramas de farinha sem fermento


100 gramas de manteiga fria, cortada em cubos


25 gramas de cacau


50 gramas de farinha de alfarroba


50 gramas de açúcar


1 ovo


 


Ingredientes para o recheio:


200 gramas de chocolate negro para culinária, mínimo 70% cacau


200 ml de natas


100 gramas de açúcar


25 gramas de manteiga


1 laranja


 


Preparação da massa:


Coloque as farinhas, o cacau, o açúcar e a manteiga numa tigela e amasse, com as pontas dos dedos, até obter uma mistura granulada. Adicione o ovo, ligeiramente batido, e amasse mais um pouco até obter uma massa consistente e homogénea (pode fazer este passo no robot de cozinha).


Forme uma bola, envolva em película aderente e leve ao frio durante cerca de 2 horas, até ficar firme e bem fria.


Ligue o forno nos 175º.


Estenda a massa entre duas folhas de papel vegetal (isto evitará a adição extra de farinha, o que enrijece a massa) e forre com ela uma forma para tarte com cerca de 22 cm de diâmetro.


Recorte os excessos e pique o o fundo da base com a ajuda de um garfo.


Coloque uma folha de papel vegetal e encha com feijão ou grão.


Leve ao forno durante 15 minutos.


Retire o papel e o feijão/grão e leve ao forno por mais 20 minutos a 160º.


Deixe arrefecer completamente.


 


Preparação do recheio:


Pique o chocolate grosseiramente com a ajuda de uma faca. Reserve.


Num tacho, coloque metade o açúcar, metade das natas e 3 tiras da casca de laranja (só a parte amarela) e leve ao lume até começar a ferver.


Retire as cascas de laranja e adicione o chocolate. Deixe repousar dois a três minutos.


Mexa energicamente e, assim que a mistura amornar, adicione a manteiga e mexa mais um pouco, até obter um creme suave e brilhante.


Quando a base da tarte (massa) estiver completamente fria, preencha com o creme de chocolate. Alise ligeiramente e leve ao frio durante pelo menos 3 horas. Se puder ficar de um dia para o seguinte será o ideal.


Antes de servir, bata as restantes natas (que deverão estar bem frias) com o resto do açúcar até obter um chantilly forte e faça algumas rosetas sobre a tarte. Decore com a restante casca da laranja, cortada em tiras o mais finas que conseguir.


DSC_0025.JPG


DSC_0028.JPG


DSC_0029.JPG


DSC_0030.JPG


DSC_0031.JPG


DSC_0032.JPG


 

Bolo mármore




Quem não gosta, pela manhã, de acordar com cheirinho a bolo acabado de sair do forno? E quando o cheirinho que mais abunda é de chocolate e laranja? Pronto, acho que não preciso dizer mais nada!

Ingredientes:

Bolo de pêras e amêndoa

DSC_0134.JPG


Eu bem tento, mas é impossível ter ovos frescos em casa, os ramos das pereiras a partirem devido ao excesso de fruta que sustêm e não fazer um bolo para o lanche!


 


Ingredientes:


100 gramas de farinha de amêndoa


30 gramas de farinha


100 gramas de Vaqueiro líquida


150 gramas de açúcar


4 ovos


1 colher de chá de fermento em pó para bolos


2 colheres de sopa de xarope de ácer


8 pêras pequenas


 


Preparação:


Misture a farinha de amêndoa com a farinha e o fermento e reserve.


Descasque as pêras, deixando apenas o pedúnculo e, com a ajuda de um descascador ou faca afiada, faça um corte na base das pêras e rode, até lhes retirar grande parte do caroço.


Coloque a Vaqueiro líquida e o açúcar na taça da batedeira e bata, em velocidade média, até obter um creme homogéneo.  Sem para de bater adicione os ovos, um de cada vez e adicionando o seguinte apenas de pois de o anterior estar bem integrado no creme.


Reduza a velocidade, adicione a mistura das farinhas  e metade do xarope de ácer e bata mais um pouco até obter uma massa líquida homogénea.


Verta o preparado num tabuleiro forrado com papel vegetal.


Disponha as peras, "enterrando"-as na massa.


Leve ao forno préaquecido nos 175º durante cerca de 50 minutos.


Retire o bolo do forno e, ainda quente, pincele-o com o restante xarope de ácer.


DSC_0123.JPG


DSC_0125.JPG


DSC_0127.JPG


DSC_0129.JPG


DSC_0130.JPG


DSC_0132.JPG


DSC_0133.JPG


DSC_0135.JPG


 

Salame de chocolate com frutos secos (receita vegan)

DSC_0148.JPG
Esta é uma guloseima a que nem miúdos nem graúdos conseguem resistir. Faz-me lembrar os tempos de infância em que cá em casa só havia sobremesa (para além da fruta ou dos iogurtes) ao fim de semana, mais exatamente ao domingo!
Depois de jantar e com a cozinha arrumada, a minha mãe voltava a tirar as taças dos armários e, enquanto o fogão, a lenha na altura, não se apagava, um bolinho cozinhava lá dentro. Outras vezes não era bolo, o que tornava o almoço de domingo ainda mais interessante e, uma dessas sobremesas que não necessitavam de ir ao lume, era o salame de chocolate! Aquele rolinho de salame que poucas horas durava!
Parece que consigo sentir, ainda, o aroma da Planta, a margarina que então se utilizava cá em casa nas sobremesas, amolecida. Depois vinha o chocolate, mais intenso e aquele ruído das bolachas trituradas. Essa era a minha função!
Mas deixemo-nos de conversas e vamos ao assunto: no outro dia, conversando com a M, contei-lhe sobre esta minha vontade de recriar a receita da minha mãe. Ela contou-me que, em sua casa, utilizavam um truque: molhar o papel vegetal com um pouco de vinho do Porto e cá está esse pequeno truque em prática no meu salame, ao qual adicionei também dois dos meus frutos secos preferidos, os amendoins e as passas.
Experimentem em casa e contem-me se sobrou algum para contar a história ;)

Ingredientes:
150 gramas de creme vegetal com sabor a manteiga
100 gramas de açúcar em pó
125 gramas de chocolate em pó
2 colheres de sopa de uvas passas
4 colheres de sopa de amendoim sem casca
200 gramas de bolacha maria
1/2 copo de vinho do Porto

Preparação:
Coloque as bolachas no robot de cozinha e triture-as ligeiramente, até obter pequenos pedaços. Se não tiver robot, coloque-as dentro de um saco de plástico e dê-lhe algumas pancadas com o rolo de cozinha. Reserve.
Coloque o creme vegetal e o açúcar em pó numa taça e bata com a colher de pau até obter um creme.
Adicione o chocolate e bata mais um pouco.
Adicione as bolachas, o amendoim e as passas e mexa com a colher até que todos os ingredientes estejam bem misturados, obtendo uma massa grossa, de textura areada.
Sobreponha duas folhas de papel vegetal e salpique com metade do vinho do Porto.
Verta o preparado anterior no papel e, com a ajuda da colher, forme um rolo (não precisa de ficar perfeito).
Pincele com o restante vinho do Porto e enroles, apertando os extremos e dando-lhe a forma que caracteriza este doce: a de salame!
Leve ao frio durante 3 a 4 horas, até ficar firme.
Na hora de servir, corte fatias mais ou menos grossas, ajudando-se de uma faca bem afiada passada por água bem quente.
DSC_0139.JPG

DSC_0140.JPG

DSC_0141.JPG

DSC_0142.JPG

DSC_0143.JPG

DSC_0146.JPG

DSC_0149.JPG



Pão de forma de espinafres sem côdea

DSC_0115.JPG


Se há desafios que me fazem "fervilhar" são os lançados pela S da Flores da Aldeia . Já há dias que me tentava com um pão verde, feito com espinafres.


Ora cá está ele, bem fofinho, sem côdea e excelente para comer assim, simples, barrado com queijo creme ou recheado ;)


 


Ingredientes:


500 gramas de farinha tipo 65 sem fermento


25 gramas de fermento fresco de padeiro


200 ml de água tépida


1 colher de sopa de açúcar


1 colher de chá de sal


Óleo q.b para untar


50 gramas de folhas de espinafres


 


Preparação:


Coza os espinafres, num pouco de água fervente temperada com sal, durante cerca de 2 minutos. Escorra e reduza os espinafres a puré, ainda quentes. Reserve.


Coloque a farinha num recipiente. Abra no centro uma cavidade e coloque nela todos os restantes ingredientes. Amasse, de dentro para fora, envolvendo a farinha do rebordo.


Assim que obtiver uma massa homogénea, transfira-a para uma bancada limpa, polvilhada com farinha e amasse durante cerca de 5 minutos, até descolar das mãos e da bancada.


Forme uma bola e coloque-a novamente no recipiente, ligeiramente polvilhado com farinha. Envolva com película aderente e deixe levedar até duplicar o volume.


Unte uma forma pequena de bolo inglês com óleo.


Retire a massa do recipiente, amasse novamente e coloque-a dentro da forma. Deixe levedar durante mais 20 minutos.


Coloque ao lume uma panela própria para cozer a vapor, com cerca de 5 centímetros de água.


Coloque a forma com a massa dentro da panela, em cima da grelha e tape com papel vegetal também pincelado com óleo. Tape a panela e deixe cozinhar em fogo médio durante cerca de 45 minutos.


Deixe arrefecer um pouco antes de desenformar.


 


Preparação na Bimby:


Coloque cerca de 1 litro de água no copo. Tempere com sal. Coloque os espinafres na varoma  e programe 10 Min, Vel.1 com a Varoma ligada.


Esvazie a água do copo, coloque nele os espinafres juntamente com 200 ml de água, o sal, o açúcar e o fermento e programe 2 Min na Vel 1 a 37º.


Adicione a farinha e programe mais 2 Min com a Espiga ligada.


Forme uma bola com a massa, coloque-a num recipiente polvilhado com farinha, tape com película aderente e deixe levedar num local morno até duplicar o seu volume.


Unte uma forma pequena de bolo inglês com óleo.


Retire a massa do recipiente, amasse novamente e coloque-a dentro da forma. Deixe levedar durante mais 20 minutos.


Coloque 1 litro de água no copo.


Programe 45 Min, Vel 1 com a Varoma ligada.


Coloque a forma dentro da varoma e tape com papel vegetal pincelado com um pouco de óleo.


Passados os 45 minutos, retire a forma e deixe arrefecer um pouco antes de desenformar.


DSC_0097.JPG


DSC_0098.JPG


DSC_0099.JPG


DSC_0101.JPG


DSC_0105.JPG


DSC_0106.JPG


DSC_0107.JPG


DSC_0111.JPG


DSC_0112.JPG


DSC_0114.JPG


DSC_0117.JPG


 

Um bolo de cenoura para #amelhormãedomundo

DSC_0137.JPG


Porque às vezes as palavras sobram e um gesto diz tudo, este é o bolinho (sim, é relativamente pequeno) que fiz para aquela que é, para mim, a melhor mãe!


 


Ingredientes:


*Copo com capacidade para 250 ml


1,5 copo de farinha para bolos com fermento


1 copo de açúcar amarelo


1/2 copo de óleo


2 ovos grandes


1 colher de chá de bicarbonato de sódio


1 colher de chá de canela


2 copos de cenoura ralada


 


Para o recheio/cobertura:


200 gramas de queijo creme


200 gramas de açúcar em pó


200 gramas de manteiga sem sal a temperatura ambiente


 


Preparação do bolo:


Unte uma forma com 15 cms de diâmetro com manteiga e polvilhe com farinha.


Peneire para um recipiente a farinha, o bicarbonato e a canela. Adicione o açúcar amarelo e misture.


Bata ligeiramente os ovos com o óleo e adicione-os à mistura dos ingredientes secos. Adicione também a cenoura ralada. Misture bem e verta o preparado na forma.


Leve a forno préaquecido nos 175º durante cerca de 45 minutos. Faça o teste do palito.


Deixe arrefecer um pouco, desenforme e deixe arrefecer completamente em cima de uma grelha.


 


Preparação do creme:


Bata o queijo creme com o açúcar em pó até obter um creme sem grumos.


Sem parar de bater, adicione a manteiga e bata a velocidade média durante 3 a 5 minutos, até obter um creme fofo, esbranquiçado. Reserve no frio.


 


Corte o bolo em três partes, na horizontal.


Coloque um disco de bolo no prato de serviço e aplique uma camada com cerca de 1/2 cm de creme e alise.


Repita o processo para as outras camadas.


Finalmente, barre todo o bolo com o creme e alise com a juda de uma espátula.


 


Dicas: Decore com cenouras baby cozidas em água temperada com sal durante 3 minutos. Escorra e passe as cenouras por açúcar granulado.


 


DSC_0129.JPG


DSC_0131.JPG


DSC_0132.JPG


DSC_0134.JPG


DSC_0136.JPG


DSC_0139.JPG


 

Cupcakes borboleta de morango

 


 


DSC_0125.JPG


Como a Vaqueiro está sempre a lançar-nos desafios e a apresentar novas receitas e formas de apresentação, cá vai a minha versão dos Cupcakes borboleta de morango :)


 


Ingredientes:


150 gramas de açúcar amarelo


100 gramas de Vaqueiro Líquida


2 ovos grandes


200 gramas de farinha de trigo


50 gramas de cacau em pó


1 iogurte natural


1 colher de café de fermento em pó para bolos


 


Para a cobertura:


200 gramas de morangos


200 gramas de queijo creme


200 gramas de açúcar em pó


 


Preparação:


Coloque na taça da batedeira o açúcar e a Vaqueiro Líquida e bata até obter um creme fofo.


Adicione os ovos, um de cada vez, esperando que se forme um creme homogéneo.


Reduza a velocidade e adicione o iogorte seguido  da farinha, o cacau e o fermento previamente peneirados e bata até obter uma massa homogénea.


Distribua o preparado anterior por 12 formas para queques forradas com caixinhas de papel e leve a forno pré-aquecido nos 180º durante cerca de 20 minutos.


Retire do forno e deixe arrefecer completamente.


 


Preparação do creme e montagem:


Misture o queijo creme com o açúcar em pó até obter um creme homogéneo.


Barre os cupcakes com o creme e disponha por cima os morangos. Ver vídeo de sugestão AQUI.


DSC_0123.JPG


DSC_0127.JPG


 


 

Bolo de figos com creme de queijo

DSC_0101.JPG


O verão traduzido num bolo...


 


Ingredientes:


150 gramas de farinha para bolos com fermento


100 gramas de açúcar amarelo


100 gramas de Vaqueiro sabor a manteiga à temperatura ambiente


2 colheres de sopa de doce de figo


2 ovos


1 colher de chá de bicarbonato de sódio


 


Para o recheio e cobertura:


200 gramas de queijo creme


200 gramas de açúcar em pó


100 gramas de manteiga à temperatura ambiente


300 gramas de figos frescos


corante alimentar verde e amarelo


 


Preparação:


Unte uma forma com 15 cm de diâmetro com manteiga e polvilhe-a com farinha.


Peneira a farinha e o bicarbonato para uma taça.


Adicione o açúcar amarelo e misture bem.


Abra uma cavidade no centro e coloque nela o doce de figo, os ovos e a Vaqueiro sabor a manteiga. Misture tudo, com a ajuda de uma colher de pau, até obter uma massa homogénea.


Verta o preparado na forma e leve ao forno préaquecido a 175º durante cerca de 40 minutos. Certifique-se de que está cozido fazendo o teste do palito.


Deixe arrefecer um pouco, desenforme e deixe arrefecer completamente.


 


Preparação do recheio e cobertura:


Bata os queijo creme juntamente com o açúcar em pó.


Adicione a manteiga amolecida e bata mais um pouco até obter um creme homogéneo. Divida o creme em três partes iguais. Adicione uma gota de corante verde num dos recipientes e misture bem até a cor ficar bem distribuída. Ao restante creme, adicione corante amarelo e mexa até obter o tom que desejar.


Corte os figos em rodelas finas, deixando um inteiro para decorar.


Corte o bolo em três partes, na horizontal.


No prato de servir, coloque uma camada de bolo; barre com o creme amarelo e disponha algumas rodelas de figo.


Repita o processo até acabar todos os componentes.


Finalmente, barre todo o bolo com o creme de cor verde e decore com o figo que tinha reservado.


 


Dica: Decorei também com praliné: Basta levar ao lume numa pequena frigideira antiaderente 100 gramas de açúcar, até ficar em caramelo, momento em que se adicionam duas colheres de sopa de amêndoa laminada. Mistura-se bem e verte-se sobre uma folha de papel vegetal. Assim que arrefecer, está pronto para cortar com uma faca. Evite tocar no caramelo depois de frio com os dedos, para não lhe transmitir humidade.


 


DSC_0084.JPG


DSC_0087.JPG


 


DSC_0090.JPG


DSC_0094.JPG


DSC_0095.JPG


DSC_0103.JPG


DSC_0105.JPG