6.19.2017

Gelado de baunilha com frutos silvestres

As tacinhas lindas são feitas à mão pela ClementinAtelier
Nunca fui muito de comer gelados, mas desde que comecei a prepará-los em casa, ao meu gosto, a situação deu uma reviravolta!
E a melhor parte é que podemos prepará-los como mais gostamos, mais ou menos doces, com ou sem leite, fruta, chocolate, etc
A pior parte deste tipo de receitas é mesmo ter que esperar para poder desfrutar do nosso gelado caseiro!

SHARE:

6.12.2017

Noodles com ovo | e o prazer da massa caseira

 É cada vez mais frequente cá em casa consumir massa fresca. 
O nome é capaz de assustar um bocado, porque a associamos a um processo laborioso e demorado; mas desenganem-se, conseguem preparar e confeccionar a vossa própria massa em menos de meia hora, como já vos falei nestas receitas.
As principais vantagens de consumir massa fresca feita em casa são múltiplas, mas posso referir o sabor, a textura, a rapidez de cocção e o maravilhoso facto de lhe podermos adicionar os nossos ingredientes preferidos: podemos fazer massa de espinafre, de tomate, de especiarias, ou até sem glúten! Depois de feita, podem utilizar de seguida a massa fresca ou, então, conservá-la durante 2 dias no frigorífico, ou várias semanas no congelador, sempre guardada em recipientes ou sacos com fecho hermético. Caso pretendam, podem ainda deixar a massa secar (para cozinhar demorará mais alguns minutos do que no caso da fresca).
A massa pode ser estendida à mão, com a ajuda de um rolo de cozinha ou com a ajuda das maravilhosas máquinas de fazer massa, que não a fazem mas estendem, e podem ser reguladas em função da espessura e corte que queremos dar à massa, desde placas de lasanha, fettucine, tagliattelle, noodles, esparguete, raviolis...

SHARE:

6.11.2017

Popsicles de laranja

 Continuamos em época de gelados; para ser sincero, acabamos de lhe dar início :) 
E, não só para deliciar os mais pequenos, como também os mais graúdos nestes dias mais cálidos, os gelados de pauzinho são uma excelente opção. Pode prepará-los com a fruta de que mais gostar, são económicos e rápidos de fazer e, o melhor de tudo, é que são saudáveis!
Esta é apenas mais uma sugestão, mas pode dar asas à sua imaginação e preparar incríveis combinações de sabores e texturas.

SHARE:

6.05.2017

Tarte de pêssegos e um pré-verão mais saudável


É verão!!
Ok, não é, mas quase!
E, apesar de não ser a minha estação preferida, também não é a que menos gosto... querem saber porquê? Porque há montes, atreveria-me a dizer centenas de quilos de fruta que conseguimos colher das várias árvores distribuídas pelo jardim de casa e, apesar de distribuirmos parte da fruta por amigos e vizinhos, torna-se imprescindível a sua utilização em sobremesas. É o caso desta tarte, praticamente sem açúcar, e à qual dei um toque final com um pouco de doce de pêssego da nova gama Natura da Quinta de Jugais, que prima pela apresentação de produtos mais saudáveis e sem açúcar adicionado.

SHARE:
© Faz & Come. All rights reserved.